Quarta Cultural valoriza talentos e identidade de artistas maranhenses

Apresentações durante a Quarta Cultural (2)

Apresentações durante o grande encontro da Quarta Cultural

A ‘maranhensidade’ esteve em destaque durante a primeira ‘Quarta Cultural’ promovida no ano de 2020, realizado na noite de ontem (15), no Centro de Referência Estadual em Economia Solidária (Cresol), órgão vinculado à Secretaria do Trabalho e da Economia Solidária (Setres).

O evento que abre espaço para a diversidade da cultura popular maranhense, acontece todas as quartas-feiras na sede do Cresol, que fica localizado na Rua de Nazaré, 173, Centro Histórico de São Luís, e destaca-se por ser desenvolvido através de uma construção coletiva entre artistas, produtores locais e o poder público.

Musicos, poetas, cordelistas, atores e outros artistas que aproveitam o momento para expor seus talentos, valorizando a regionalidade e a identidade cultural do estado. A primeira ‘Quarta Cultural’, reuniu os talentos que se apresentaram durante as edições realizadas ao longo de 2019.

Secretário do Trabalho e da Economia Solidária, Jowberth Alves.

Secretário do Trabalho e da Economia Solidária, Jowberth Alves.

O Secretário do Trabalho e da Economia Solidária, Jowberth Alves, ressalta que a iniciativa ajuda o público a conhecer as demais ações promovidas pelo Cresol e fomenta o desenvolvimento do estado.

“Este é um exemplo prático que mostra que o governo e a população trabalhando juntos podem construir espaços de desenvolvimento no estado. Este evento, além de dar oportunidade aos artistas, fomenta a economia criativa, por meio da comercialização dos produtos expostos no Centro de Referência”, destaca.
Atrações da noite

Entre as diversas expressões artísticas, esteve presente durante o evento a cantora Célia Sampaio. “Este espaço nos fortalece como artistas que trabalhamos de forma alternativa, e não estamos nos grandes mercados”, pontuou Célia.

Na área da música estiveram presentes, também, Alcione da Fonte e Roquinho; Jimmy Luz; Rose Carneiro; Zanto Holanda; Daniel Alves e Mel Miranda; Kaciel Bras; Wagner Borges; Jorge Reis; Lê Brown; Gui Motta; Felipe da Fonte; Hugo Cazumba; Samba de Amigos; Amanda Quixa;Henry Lucas; os grupos Batucada Feminista, Samba Rock; Afrocanto; Divina Batucada; Casarão Verde; e Tommy Shot e outros.

Cordelista Moisés Nobre, recitando dutante a 'Quarta Cultural' (2)

Cordelista Moisés Nobre, recitando durante a ‘Quarta Cultural’

Na poesia e literatura de cordel, marcaram presença Paulinho Nó Cego; Gorete Pereira e Renato Lucas; Moisés Nobre; Nafis Bezerra; Kátia Dias e Márcia Maria. “Este é um espaço que garante meios para continuidade da cultura popular maranhense, por que permite a integração da nova geração com os artistas que já estão há mais tempo na estrada”, comentou o cordelista Moisés Nobre.

O Secretário de Cultura de São Luís, Marlon Botão, presente no evento, ressaltou a relevância da ‘Quarta Cultural’ para a cultura ludovicense: “Esta iniciativa certamente só traz benefícios para a cidade, porque promove este segmento que afirma a identidade da população por meios sustentáveis”, disse.

Susan Lucena, gestora da Casa da Mulher Brasileira

Susan Lucena, gestora da Casa da Mulher Brasileira

Susan Lucena, gestora da Casa da Mulher Brasileira, que também prestigiou a noite cultural, reforçou a importância do apoio e incentivos necessários ao evento, que por ser fruto da Economia Solidária, é construído majoritariamente por mulheres que são protagonistas nesse meio.

‘Quarta Cultural’

Publico presente na Quarta Cultural

Público presente na Quarta Cultural

O Projeto é idealizado no Centro de Referencia com o objetivo de dinamizar o espaço de formação, capacitação e comercialização de produtos de empreendimentos econômicos solidários.

Segundo Luiza Mendes, coordenadora do Cresol, a ação tem como intuito dar visibilidade à cultura e aos artistas que também pensam no bem viver sustentável, com base nos princípios da economia solidária. A gestora reforça, ainda, que o grande encontro reforça a ideia de construção coletiva com a participação direta dos artistas e o poder público.

CRESOL
O Centro Estadual de Referência em Economia Solidária do Maranhão (Cresol), localizado na Rua de Nazaré, 173, Centro Histórico da capital, é um espaço integrado à Secretaria de Estado do Trabalho e da Economia Solidária (Setres), que visa à participação popular na implantação das políticas públicas de desenvolvimento de grupos produtivos econômicos solidários, através de uma gestão compartilhada entre o poder público e a sociedade civil organizada.

Contatos

contatos

SINE – SISTEMA NACIONAL DE EMPREGOS – SÃO LUÍS/MA

(98) 3232-5015
(98) 3232-5031

Clique para mais contatos

Links Úteis
Localização

localização

Click to open larger map

Rua do Sol, 191. Centro,
São Luís, Maranhão